Livro de Reclamações Eletrónico disponível a 1 de Julho

Livro de Reclamações Eletrónico disponível a 1 de Julho

foto_site_face3

A partir do dia 1 de julho de 2018 está disponível o Livro de Reclamações Eletrónico!

 

  1. O que muda?

Disponibilização do Livro de Reclamações Eletrónico (Livro de Reclamações em formato eletrónico permanece obrigatório).

 

  1. Período de adaptação dos operadores económicos

Entre 1 de julho de 2018 a 1 de julho de 2019 (todos os operadores económicos terão um ano de adaptação ao novo livro de reclamações).

 

  1. Atividades fiscalizadas pela ASAE – Autoridade de Segurança Alimentar e Económica:

Dispõem de uma área específica (a partir de 2 de julho), onde “de forma simples e rápida” poderão registar-se no sítio na internet e receber, gratuitamente, um lote de 25 reclamações eletrónicas.

 

  1. Empresas com sistema próprio de tratamento de reclamações

As empresas poderão importar as reclamações da plataforma utilizando um serviço standard de webservices (contactar pelo Helpdesk a Imprensa Nacional Casa da Moeda).

 

Para mais informações contacte a AESL